Endereço

Av. Mato Grosso, 1157 E salas 101/2, Cidade Nova, Lucas do Rio Verde/MT

Está pensando em Empreender em 2023? Veja Alguns Modelos de Negócios sem Funcionários e com Baixo Custo de Investimento

Manter os custos baixos ao administrar um negócio é importante. Tanto quanto possível, você quer ser capaz de lidar com tudo por conta própria para que não tenha que pagar funcionários. Felizmente, há muitas maneiras de executar um pequeno negócio sem se sentir sobrecarregado. Aqui estão alguns dos modelos de negócios mais comuns sem funcionários e de baixo custo.

1. Freelancer – modelos de negócios

Um freelancer é um trabalhador autônomo que oferece serviços a vários clientes ao mesmo tempo. Eles podem cobrar por hora ou por projeto, dependendo de seus contratos.

A maioria dos freelancers é especializada em campos criativos—como design gráfico, redação ou desenvolvimento web, mas também há freelancers que trabalham em outros setores. Por exemplo, se você é um profissional de marketing ou consultor qualificado, você definitivamente pode fazer essas ideias de negócios funcionarem.

Se você está considerando trabalhar como freelancer, você não é o único: 57 milhões de brasileiros trabalharam como freelancer em 2022.

Ganhando a uma taxa média de R$ 20 por hora, os freelancers arrecadam um pouco mais de dinheiro do que outros trabalhadores no geral. Além disso, essa ideia de negócio não exige que você contrate funcionários ou alugue um espaço comercial, para que você possa manter a maior parte do que ganha.

2. Vendas com Comissão

Se convencer as pessoas a comprar produtos ou serviços parece divertido, então você deve começar um pequeno negócio de vendas com comissão. Você pode começar pequeno: vender produtos de beleza, sapatos, roupas ou qualquer coisa em que esteja interessado.

Se você é um bom falante motivado por dinheiro, você tem uma boa chance de se tornar um vendedor de sucesso. Observe que ser um vendedor por comissão é diferente de trabalhar no departamento de vendas de uma empresa.

Você não receberá um salário base, mas receberá uma comissão maior por cada venda que fizer. Dependendo do seu acordo com seu cliente, você pode até ganhar comissões mais altas.

3. Podcasting – modelos de negócios

Criar um podcast é uma ótima maneira de ganhar dinheiro em casa. Se você está oferecendo cursos on-line ou apenas fornecendo entretenimento de qualidade, você tem o potencial de ganhar a vida com esse esforço.

Promover produtos e serviços e, em seguida, ganhar dinheiro como profissional de marketing afiliado também é uma boa maneira de ganhar dinheiro enquanto cria um podcast. Você pode se inscrever no programa de afiliados da Amazon ou no ShareASale.

Por outro lado, outra maneira de ganhar dinheiro sendo um podcaster é promovendo seus próprios produtos e serviços. Você pode fazer mercadorias que apresentam sua marca e depois vendê-las aos seus ouvintes.

Finalmente, você pode recorrer ao crowdfunding. Uma plataforma como a Patreon permitirá que você obtenha a promessa do seu público para que você possa continuar fazendo conteúdo de qualidade.

4. Treinador de Negócios

Ajudar os empresários a aprender a lidar com os desafios diários pode parecer intimidante, mas não é impossível. Se você tem experiência em administrar modelos de negócios de sucesso ou tem as habilidades para orientar outro empreendedor, esta será uma ótima opção.

A questão é: como você se torna um treinador de negócios? Naturalmente, você tem que começar construindo credibilidade e ganhando qualificações. Alguns usam plataformas de mídia social para construir um público e ganhar uma boa reputação. A próxima coisa que você precisa fazer é desenvolver um nicho. Aqui estão algumas de suas opções:

  • Concentre-se em treinar proprietários de empresas iniciantes. Ajude-os a esclarecer seus objetivos e construir um roteiro para ter sucesso.
  • Ajude os proprietários de pequenas empresas que estão prontos para expandir seu mercado e enfrentar desafios maiores. Você os ajudará a superar as dores de crescimento e fará planos de ação realistas.
  • Ajude as empresas que começaram a estagnar. Guie-os através de uma análise (forças, fraquezas, oportunidades e ameaças) para identificar a direção que sua empresa deve tomar.

As pessoas procuram experiência, atitude, experiência e amor por ensinar ao procurar um treinador de negócios. Se essas são as qualidades que você possui, você será um ótimo treinador.

5. Assistente Virtual

Se você quiser trabalhar em casa, tornar-se um assistente virtual é uma opção sólida. Assistentes virtuais ajudam proprietários de pequenas empresas, profissionais ocupados e blogueiros com várias tarefas, como as seguintes:

  • Assistente de administração: Muitos profissionais estão dispostos a contratar assistentes administrativos. Você atenderá chamadas, agendará compromissos ou responderá às preocupações dos clientes. A maioria das tarefas requer pouco treinamento, mas o compromisso e as fortes habilidades de organização são obrigatórios.
  • Gerenciamento de mídia social: Manter uma forte presença no Facebook, Twitter, YouTube ou LinkedIn requer muito esforço. É por isso que muitas pessoas preferem procurar a ajuda de um assistente virtual para agendar postagens e gerar burburinho.
  • Produtor de conteúdo: Ajudar os blogueiros a escrever e editar o conteúdo do blog é outra tarefa comum para assistentes virtuais. Você também estará otimizando o conteúdo adicionando palavras-chave, adicionando links de afiliados e muito mais.
  • Assistente de comércio eletrônico: Você também pode ajudar as empresas a gerenciar uma loja online. Para este trabalho, você estará escrevendo descrições de produtos, respondendo a consultas, rastreando pacotes e lidando com devoluções.

Por fim, se você estiver disposto a lidar com qualquer uma dessas tarefas, pode começar a se candidatar a uma função como assistente virtual.